Drogas atuais em testes ou recentemente aprovadas

Agora sim vamos ao que nos interessa. O Post anterior foi bem sucinto com o foco no percurso de testes, aos quais devem ser submetidos as drogas antes da comercialização. Agora vamos falar diretamente de cada droga em teste e o principal seu principal papel contra o Alzheimer. Antes de mais nada, recomenda-se ter lido os post anteriores sobre as hipóteses causadoras de Alzheimer, pois cada droga foca em um aspecto específico da doença.

1- Ácido docosahexanoico (DHA).

Esse fármaco está em nível 3 de teste (ver post anterior). O DHA é um componente da membrana plasmática dos neurônios e principalmente das vesículas sinápticas neuronais. Assim sendo, esse fármaco tem um papel nutracêutico, o qual  atua diretamente na velocidade da transdução do sinal a neurotransmissão (sistema doopaminérgico e serotominérgico). O DHA também atua inibindo a morte celular por processos inflamatórios ou apoptose. E ainda, há relatos de redução na doença amilóide. Ainda é uma droga constantemente estudada com benefícios cada vez maiores.

2- Dimebon® .
É uma droga inibidora da colinesterase, de receptores NMDA, da acetilcolinesterase e da butilcolinesterase. Impediria a morte neuronal pela mediação da inibição de apoptose mitocondrial. Em 2006, testes revelaram uma melhora das funções cognitivas e comporta­mentais em pacientes com Alzheimer na fase intermediária. Ainda encontra-se em fase experimental, na fase 3 de acordo com as exigências da FDA.

3- Sinvastatina.

Acredita-se que ela afeta o metabolismo da beta-amilóide, inibindo a atividade no sistema nervoso central das secretases alfa e beta, impedindo a formação das placas senis.

4-Resveratrol e Alfa-tocoferol (vitamina E)

Neuroproteção e efeito antioxidante.Os antioxidantes são hoje vistos na comunidade científica como uma ferramenta que pode adiar ou prevenir o surgimento da doença de Alzheimer. Um explicação plausível para isso é o fato de que os radicais livres oxigenados promovem mecanismos de morte celular como a autofagia, a apoptose ou o autoshizis, promovendo morte neuronal característica da enfermidade. Essas duas drogas citadas ainda estão em testes de fase 2/3. É levando em consideração esse aspecto da doença, que torna-se crescente a suplementação alimentar dos paciente de Alzheimer com, por exemplo, complexos vitamínicos antioxidantes.

5- Nicotinamida e COGNIShunt™.

Ambas são testadas para atuar inibindo a formação ou o acúmulo da proteína TAU, a qual é responsável pela estabilização dos microtúbulos dos neurônios e diretamente vinculada a progressão do Alzheimer, quando há defeitos na proteína.

Essas são apenas algumas drogas em teste, há várias outras com foco em diferentes aspectos da doença: proteína TAU, inibir acetilcolinesterase, antioxidante, neuroproteção, diminui deposição beta-amilóide ou oligômeros, evita morte neuronal… E segue a lista de efeitos de cada medicamento. Como ainda existem várias hipóteses para tentar explicar o surgimento e a progressão da doença, era de se esperar que também houvessem inúmeros medicamentos visando um aspecto ou dois da doença. Ainda não foi possível o desenvolvimento de um único medicamento que de maneira segura fosse capaz de atuar em todos efeitos da doença, tanto comportamentais quanto bioquímicos. Talvez o que procuramos nem seja um único medicamento que dê conta da doença sozinho, mas há sempre a esperança de que ele exista e de que estamos cada vez mais próximos do sonho de curar essa enfermidade. E que as pesquisas e teste continuem, para que no futuro ninguém se lembre que esse Mal existiu.

Matheus Papa.

Referências:

http://www.alzheimermed.com.br/tratamento/novas-drogas-perspectivas-parte-1

http://www.scielo.br/pdf/anp/v56n3B/1789.pdf

http://www.scielo.br/pdf/anp/v63n4/a35v63n4.pdf

http://www.prnewswire.com/news-releases/inaccurate-reporting-on-recent-omega-3-dha-alzheimers-study-reveals-misrepresentation-by-media-107033758.html

http://en.wikipedia.org/wiki/Tau_protein

http://www.lef.org/magazine/mag2008/jan2008_report_dhafishoil_01.htm

http://www.alzheimermed.com.br/tratamento/outras-possibilidades-terapeuticas

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s